mapa localização

BEM VINDOS - WELCOME- WILLKOMMEN - BIENVENIDO - YÔKOSO 「ようこそ」

Abaixo: Nossos prezados seguidores do site!

domingo, 23 de junho de 2013

Ellen White e a masturbação

 A MASTURBAÇÃO ADVENTISTA
Tuberculose é devido a masturbação?
Com intenção de advertir os Adventistas da época, Ellen G. White publicou em 1864 conselhos relacionado à masturbação num folheto sob o título: An Appeal to Mothers:The Great Cause of the Physical, Mental, and Moral Ruin of Children of Our Time (Um Apelo às Mães: A Grande Causa da Ruína Física, Mental e Moral de Nossa Época).



"Sinto-me alarmada com aquelas crianças… que pelo vício solitário estão se arruinando… ouvi numerosas queixas de dor de cabeça, catarro, tontura, nervosismo, dor nos ombros e do lado, perda de apetite, dor nas costa e membros… e não percebestes ter havido uma deficiência na saúde mental de vossos filhos?… A indulgência secreta [masturbação] é, em muitos casos, a única causa real das numerosas queixas da juventude" (págs. 11, 13).
5 CONTRA 1

"A condição do mundo é alarmante. Por toda parte que olhemos vemos imbecilidade, nanismo, membros aleijados, cabeças mal formadas e deformidade de toda descrição… Hábitos corrompidos estão dissipando sua energia, e trazendo-lhes enfermidades repugnantes e complicadas… As crianças que praticam a auto-indulgência [masturbação]… devem pagar a penalidade" (pág. 14).

Masturbador contumaz com mão direita
"Prosseguindo a prática desde os 15 anos ou mais, a natureza protestará… e fa-los-á pagar elevado preço… por numerosas dores no organismo, e várias doenças, tais como indisposição de fígado e pulmões, nevralgias, reumatismo, problemas da espinha, doenças renais e tumores cancerosos… Com freqüência ocorre uma súbita avaria da constituição, e a morte vem como resultado" (págs. 14 e 15).

"As mulheres possuem menos força vital do que o sexo oposto… O resultado do auto-abuso nelas é visto em várias doenças, tais como catarro, tontura, dor de cabeça, perda de memória e visão, grande fraqueza nas costas e cadeiras, dores na espinha e, com freqüência, queda da cabeça para trás… A mente é amiúde inteiramente arruinada e uma condição doentia prevalece… Estas são práticas tão suicidas quanto apontar uma pistola para o próprio peito… Entre os jovens o capital vital e o cérebro são tão severamente sobrecarregados em tenra idade que há deficiência e grande esgotamento, o que deixa o organismo exposto a doenças de vários tipos. Mas a mais comum dessas é a tuberculose" (pág. 17).

"Não há fim em vista para as doenças causadas pelo vício solitário". A esta asserção é adicionada uma enorme lista de enfermidades supostamente assim surgidas, entre as quais "epilepsia, danos à visão", "hemorragia nos pulmões, espasmos do coração e pulmões, diabetes, reumatismo, tuberculose, asma" e mais de uma dúzia de outras. Daí é passado em revista um caso. 
Uma criança de dois anos de idade, epiléptica e paralítica, foi levada a um médico. "Pelo mais vigilante emprego de meios mecânicos para confinar-lhe as mãos, cobrindo-lhe os órgãos genitais, etc., a criança foi, por fim, curada e agora desfruta de boa saúde".
Dois especialistas declaram que masturbação, tanto para homens quanto para mulheres, não faz mal nenhum do ponto de vista médico (tal como fizeram em reportagem Fernando Almeida, professor de urologia da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e Arlete Gianfaldoni, ginecologista assistente do Hospital das Clínicas de São Paulo ).[1]
E ainda segundo outros especialistas, a masturbação: "Por muito tempo, foi entendida como um mau hábito e esse conceito equivocado foi transmitido de geração para geração." Explicam que já no século dezoito, devido a crendiçes e tabus, a masturbação era condenada pela sociedade, pela igreja, e pela própria ciência. Naquela época por exemplo, o sr Tissot(Samuel Auguste Tissot) escreveu um tratado sobre as conseqüências do ato da masturbação e destacou que esta poderia causar doenças mentais e cerebrais, bem como a fraqueza física, a palidez, o desinteresse geral e até os sinais de esquizofrenia e epilepsia. Pela afirmação desses profissionais, estudos mostraram que a masturbação é uma prática natural e saudável e declaram:"Hoje sabemos que masturbação não causa impotência, distúrbios psicóticos ou qualquer outro dano físico, mental ou de desempenho sexual. "
[2]


Esta mulher era "Maria" vai com as outras, copiava tudo que se comentava em sua época sobre saúde, e hoje os Adventistas  estão em teias de aranha, sem poder explicar essas aberrações copiada por ela e, tida como inspiração vinda da parte do CRIADOR. Leia sua declaração:  Nunca escrevi um artigo que expressasse simplesmente minhas idéias. Meus escritos são o que Deus tem revelado em visão e preciosos rios de luz partem brilhando do seu trono.” (Mensagens escolhidas, vol. I, pág. 29, par. 4 – Citando “The Testemonies, pág. 67, vol. 5”). 

Comentário: A questão aqui, não é o aspecto moral e sim o cientifico,médico. sabe-se que a pinotisa ( pinoquio + profetisa, errou  feio e, ainda afirma que tudo que escreveu veio de inspiração divina, muita loucura, copiou e copiou errado do que era ensinado em sua época.
Este titulo da postagem, bem que poderia ser a masturbação de Ellen White

2 comentários:

  1. Cara tanto assunto pra defender na bíblia e vc querendo logo defender masturbação....Ahhhh pelo visto vc gosta mesmo da coisa..Realmente quando a gente quer q uma coisa esteja certa a gente vai até o fim pra tenta provar q estamos fazendo algo certo...Então continua.... Só lembrando pra ti q na bíblia e nos livros existem ambiguidade e antes de tentar provar algo entenda primeiramente o contexto...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitas irmãs adventista tocam siririca no sábado

      Excluir

SEU COMENTÁRIO SÓ SERÁ PUBLICADO, SE TIVER SEU NOME E EMAIL, CASO CONTRÁRIO, NÃO SERÁ PUBLICADO. Só será publicado se for para refutação com base. Teremos o prazer de publicar, caso contrário não será publicado.